Carregando Eventos

Evento

Oficina de Asalato, Voz e Cantos Brasileiros – Presencial

21

maio

15:00

Oficina de Asalato, Voz e Cantos Brasileiros – Presencial
com Mauro Tanaka e Lari Finocchiaro
Data: 21/05/2022
Horário: das 15h às 18h
Inscrições limitadas:  bit.ly/asalato_voz
Valor: R$235,00 para pagamentos via cartão de crédito parcelado em até 2x sem juros ou R$220,00 (com desconto) para pagamentos via PIX.
Serão seguidos os protocolos sanitários. É necessária a apresentação da carteira de vacinação e documento com foto.


Sobre Oficina de Asalato, Voz e Cantos Brasileiros 

Esta oficina compartilha a pesquisa de asalato e voz de Mauro Tanaka e Lari Finocchiaro, que buscam desenvolver dinâmicas inspiradas pela Música do Círculo e pela Música Corporal, duas grandes fontes de práticas para Mauro e Lari. É o primeiro curso de asalato e voz que envolve o fazer musical como ferramenta de desenvolvimento humano.

O asalato, ainda pouco conhecido no Brasil, começou a ser conhecido pelas mãos de Mauro e Lari que seguem sua pesquisa pioneira de trazer este instrumento para a cultura brasileira e gerar acesso ao conhecimento, ao fazer musical, a música brasileira, a improvisação e aos cantos de tradição oral.

Será realizado um encontro presencial, onde serão experimentadas combinações de levadas desde as mais simples às mais complexas, o que possibilita que todos os níveis possam participar no mesmo ambiente e assim, experienciar a beleza que é ver e ouvir muitos asalatos e vozes soando juntos!

Nosso encontro será no dia 21 de Maio de 2022 das 15h às 18h no Estúdio Mawaca

Caso não tenha o instrumento, haverá instrumentos da Asalato Sampa à venda no local com preço promocional de R$130,00 (o par, um instrumento para cada uma das mãos).

Não precisa ter experiência ou saber tocar o instrumento!

Sobre Lari Finocchiaro

Lari Finocchiaro é cantora e compositora, seu mais recente trabalho foi como cantora do espetáculo Ovo do Cirque de Soleil. Lançou em 2018 seu primeiro projeto solo autoral chamado “Carta ao XXI”, com 10 canções suas e que foi lançado juntamente com o livro de poesia “Que a gente esteja vivo para ver”, com poesia suas e fotografias da artista visual Mariana Ser. Faz parte da Orquestra do Corpo desde 2017, projeto criado por Fernando Barba e Stenio Mendes. E vem pesquisando a formação de Asalato e Voz na música brasileira há alguns anos, sendo pioneira nessa pesquisa no Brasil, junto ao luthier e músico Mauro Tanaka. Possui licenciatura em música pela Ufscar, formada em canto popular pelo Conservatório de Tatuí e fez diversos cursos / formações sobre técnica vocal, trabalhando atualmente como coordenadora pedagógica e professora de canto na equipe do Wagner Barbosa, no Voz Em Construção.

Além da sua formação em música, é psicóloga e pós graduada em Saúde Coletiva cujo tema de conclusão de curso foi “A Música Corporal como prática de produção de Saúde” pela Universidade de São Paulo.

Sobre Mauro Tanaka

Mauro é músico, pesquisador e educador, também atua como luthier de instrumentos de cordas e instrumentos não convencionais. Estuda a prática do asalato com Shimizu Kenta (Panman – Japão), referência mundial no instrumento.

É idealizador e contrabaixista do grupo Escalafobéticos, que promove a música com instrumentos construídos a partir de objetos do cotidiano. Integrante da Orquestra do Corpo, focada em percussão corporal e dirigida por Fernando Barba (Barbatuques) e Stenio Mendes Nogueira.